5 equipamentos para trekking que não podem faltar na mochila

Uma das atividades físicas mais praticadas no mundo inteiro é a caminhada. Ela pode ser feita em qualquer lugar, na cidade, em praças ou na floresta. Quando é realizada na natureza, é conhecida como trekking.

O trekking é o esporte de aventura mais democrático de todos, pois pode ser praticado por pessoas de todas as idades e é seguro — salvo algumas trilhas de nível avançado. Para quem está começando, existem trilhas que são fáceis.

Como todo esporte, ele necessita de alguns equipamentos. Neste artigo, vamos conhecer quais são os equipamentos para trekking necessários, sua importância e dicas de como escolher. Se você tem interesse em saber mais sobre esse assunto, continue lendo!

Os equipamentos para trekking indispensáveis

O trekking pode ser feito em um dia ou com pernoite, mas alguns equipamentos são necessários para qualquer uma das situações. É importante que você invista em equipamentos próprios, pois isso garante a segurança e conforto da sua viagem. Vamos conferir quais são aqueles materiais que não podem faltar!

1. Bota de trekking

O calçado é um dos itens mais importantes para fazer trilhas. Ele precisa ser apropriado para trekking e estar amaciado. Essa parte é muito importante. Uma bota nova ou um calçado impróprio podem dar bolhas e/ou outros machucados no pé, e, com isso, talvez você não consiga terminar a trilha.

A bota precisa ter uma certa aderência ao solo, para evitar escorregões. Se tiver trechos de escalada, use um calçado com pequenos grampos, para ter mais segurança. Se possível, opte por uma impermeável, para evitar molhar o pé. Por fim, a bota precisa oferecer segurança ao pé em terrenos irregulares, assim, você evita torções.

2. Roupas adequadas

Ao escolher sua roupa, dê preferência para os tecidos sintéticos. Tecidos naturais, como o algodão, absorvem o suor e esquentam o corpo. Caso você não conheça a trilha, vá de calça. Ela vai proteger suas pernas de arranhões e cortes por galhos e vegetação no caminho.

Outra dica importante sobre as roupas é conferir a previsão do tempo antes ir. Sabendo o que vai encarar, dá para se preparar melhor. Caso faça frio, abuse do sistema de camadas. Se for chuva, leve uma capa de chuva para você e para sua mochila.

3. Mochila cargueira

Este é um item que precisa de atenção, pois você vai carregá-lo. Uma boa mochila cargueira precisa ter alças ajustáveis, ser bem dividida e se ajustar confortavelmente ao corpo.

Aqui entra a questão do custo-benefício. Uma mochila barata não vai ter todos os pré-requisitos, e isso pode incomodar durante a caminhada. Não tem nada pior do que parar toda hora porque a mochila precisa de ajuste.

Além disso, na hora de escolher o modelo, preste atenção aos tamanhos. Você pode ter um mochila menor para trilhas bate e volta, conhecida como mochila de ataque, e outra maior, a cargueira. O peso total dela nunca deve passar 30% do seu peso corporal. Isso evita dores nas costas e ombros.

4. Garrafa de água

Durante a prática de qualquer atividade física, você deve se manter hidratado. O corpo perde água por meio do suor, respiração e urina. Mesmo em dias frios, ao fazer uma atividade física, ocorre a transpiração. Por isso, é importante levar uma garrafa de água, para repor o líquido perdido. Sem essa reposição, o corpo desidrata, e isso pode ser perigoso.

Para evitar esse desconforto, invista em um cantil ou uma mochila com reservatório de hidratação. Assim, você sempre vai ter água à mão. Caso encontre uma fonte de água no caminho, use uma pastilha ou filtro para limpar as impurezas, germes e bactérias antes de beber.

5. Barraca

Quem vai passar a noite precisa de uma barraca para dormir. Existem modalidades de acampamento sem barraca, mas é mais seguro contar com uma. Escolha uma barraca leve, de até 3kg, que tenha uma boa coluna d’água e, se possível, avanço, que é muito útil em dias de chuva, para poder cozinhar.

Aqui também entra em cena o custo-benefício. A barraca é o equipamento mais caro destes que citamos aqui. Encontre uma de boa qualidade, com costura selada, impermeável, de tamanho e peso ideais e que tenha um valor possível para você.

6. Saco de dormir e isolante térmico

Outro item necessário para quem vai passar a noite ao ar livre é o saco de dormir. Ele vai ser sua cama e proteção durante a noite. Na hora de escolher o seu, leve em consideração o tamanho e o volume. Isso é importante para que ele não ocupe espaço demais na sua mochila.

Fique atento, pois existem diferentes tipos, para diferentes temperaturas. Se você acampar num local muito frio, vai precisar de um saco de dormir que suporte as temperaturas.

O isolante térmico tem a função, como o próprio nome diz, de isolar a temperatura do solo. Ele é usado em baixo do saco de dormir e evita que o frio do solo passe para o você. Além disso, pode servir como um conforto a mais para sua noite. Como fica por baixo do saco de dormir, amacia a sensação do corpo no solo.

A importância dos equipamentos de qualidade

Se você gosta de fazer trekking, a maior dica é investir em equipamentos de qualidade, pois isso vai influenciar na sua experiência. Imagine fazer aquela viagem incrível, mas não conseguir aproveitar por ter ficado com o pé machucado ou ter passado frio por não estar com roupas apropriadas.

Para encontrar os melhores equipamentos, busque lojas especializadas. Além de encontrar boas marcas, você vai ter um atendimento de qualidade e pode tirar todas as suas dúvidas.

Agora você já conhece alguns equipamentos para trekking que não podem faltar e a importância de investir em equipamentos de qualidade. Se já está planejando sua próxima aventura, fique de olho para ver se não esqueceu nada.

Se você tem dúvidas de onde encontrar as melhores roupas e calçados para esportes de aventura, visite nosso site. Lá, você encontra qualidade e tecnologia: tudo o que você precisa para encarar qualquer aventura!