tênis para trilha

Veja 4 dicas de como escolher o melhor tênis para trilha

Jaquetas de Chuva Columbia Sportswear

Escolher o melhor tênis para trilha não é uma das tarefas mais fáceis. Em primeiro lugar, é preciso ter conhecimento sobre seu tipo de pisada e, em seguida, entender sobre o tipo de terreno que você percorre com maior frequência.

Saber essas particularidades garante que sua prática esportiva seja muito mais segura, já que um calçado equivocado pode facilitar torções, quedas, escorregões e uma série de desconfortos durante o trajeto em terreno irregular.

O tipo de solado e a construção do tênis também devem ser alvo do seu interesse, pois existem dezenas de modelos diferentes que podem facilitar ou prejudicar sua performance e, inclusive, interferir no conforto durante sua caminhada ou corrida.

Neste post, explicamos a importância de usar um tênis ideal para trilha, quais os cuidados básicos, como e onde escolher o melhor modelo. Gostou da ideia? Continue a leitura!

Por que usar um bom tênis para trilha?

Usar um calçado de qualidade é fundamental para ter maior conforto e segurança durante a prática de qualquer atividade física. No caso das trilhas, um bom tênis é capaz de minimizar as consequências do impacto provocado pela pisada errada em terrenos cheios de adversidades, como pedras, água, areia e outros obstáculos.

Os fabricantes especializados nesse tipo de calçado já desenvolvem seus produtos com características que atendem a essas necessidades. Além disso, para melhorar seu desempenho e se sentir mais confortável ao usar seus tênis para caminhada ou trekking, você pode contar com recursos como palmilhas ortopédicas adicionais.

Em resumo, um bom par de tênis serve para:

  • proteger os pés;
  • garantir aderência e estabilidade;
  • melhorar a performance;
  • reduzir o desgaste nas articulações;
  • prevenir fraturas, torções e outros danos.

Quais cuidados você precisa ter com o calçado?

Primeiramente, vale ficar de olho no ciclo de vida do calçado. Demorar demais para trocar os tênis pode reduzir sua eficácia, já que eles estarão desgastados pelo uso. Portanto, observe os sinais de que está na hora de aposentá-los. Sola lisa ou com furos, pouca resistência à torção, entressola e calcanhar desgastados são alguns exemplos.

Além disso, siga as recomendações do fabricante em relação à limpeza e ao armazenamento do produto. O ideal é você limpar sempre depois de cada uso, pois isso vai evitar que a sujeira fique impregnada e pode aumentar a durabilidade do tênis.

Quando chegar da trilha, retire as palmilhas e os cadarços (se o modelo tiver esse sistema de amarração) para deixá-los de molho em água e sabão por cerca de 20 minutos. Passado esse tempo, esfregue cuidadosamente até que suma toda a sujeira.

Para higienizar o calçado, use uma escovinha macia e umedecida com água e sabão neutro. Passe na parte de fora sem tanta força, apenas para retirar folhagens e outros eventuais resíduos que ficaram grudados. Pronto, é só colocar para secar à sombra.

Como escolher o tênis ideal para trilha?

A seguir, separamos dicas de como escolher um tênis adequado para trilha. Confira!

1. Atente ao tipo de solado

O solado é uma das maiores diferenças entre os tênis voltados para trilhas e aqueles mais tradicionais, normalmente construídos para a corrida de rua ou em esteira. Varia de acordo com o material e o design, justamente porque cada um é projetado para um tipo de situação.

Os tênis de rua tradicionais apresentam solado mais liso e com borracha mais leve e flexível para proporcionar leveza e aderência em regiões planas e com certa densidade, como o asfalto. Normalmente, o foco é a proteção dos pés e a diminuição dos impactos na articulação para trajetos longos mas sem grandes obstáculos.

No caso da trilha, o objetivo é um pouco diferente: é aumentar a aderência em superfícies irregulares (molhadas, em muitos casos), com pouca ou nenhuma fixação. Além disso, é preciso proteger as articulações e, principalmente, garantir que o praticante não perca sua passada em locais mais extremos.

Os três principais tipos de solados

Existem três tipos de solado que você deve observar: com cravos altos e separados; com cravos menores e próximos; mistos.

Os solados com cravos altos e separados são perfeitos para terrenos molhados, com lama e praticamente nenhuma aderência. Os com cravos menores e próximos são destinados para locais secos e irregulares, mas que permitam uma passada mais rápida.

Por fim, os solados mistos, uma espécie de híbrido entre tênis de rua e tênis de trekking — aqui a ideia é conseguir ter performance tanto no asfalto quanto em trilhas de irregularidade baixa a moderada.

Lembrando que o tênis costuma ser um calçado mais voltado para a prática esportiva de performance, como as corridas nas trilhas. Essa é uma das maiores diferenças entre os tênis e as botas para trekking.

2. Veja sua pisada e respeite sua biomecânica

A segunda dica é muito importante para evitar lesões e o surgimento de bolhas e outros desconfortos nos pés durante uma trilha de intensidade baixa, média ou moderada. A princípio, seu tipo de pisada diz muito sobre sua biomecânica e como seu corpo se comporta durante uma corrida ou caminhada.

A maneira mais correta de descobrir sua pisada é realizando um teste com profissionais qualificados. No entanto, a busca por um tênis com pisada padrão pode ser uma boa alternativa para evitar erros ou até mesmo problemas no futuro.

Esses calçados foram construídos e projetados para levar em conta a maior parte das variações de pisada. Portanto, são capazes de garantir conforto e segurança para a maioria dos praticantes que não apresenta nenhum desvio postural grave ou particularidade física que necessite de uma correção imediata ou mais “incisiva”.

Todos os calçados da Columbia apresentam pisada padrão e, por isso, somos a marca ideal para todas as pessoas que buscam alta tecnologia e conforto.

As outras possíveis razões para bolhas e demais desconfortos

Além da pisada, que acabamos de mencionar, as bolhas e os demais desconfortos podem acontecer por outras razões. Uma das mais comuns é o tênis (ou qualquer outro calçado) encharcado por longos períodos. Essa condição pode provocar, além desses ferimentos, frieiras e demais problemas dermatológicos desagradáveis que podem necessitar de intervenção médica caso não sejam cuidados de maneira apropriada.

Calçados com pouca flexibilidade e amortecimento também podem provocar dores nos tornozelos, nos joelhos e até mesmo na coluna vertebral, especialmente na região lombar, que é para onde os impactos da atividade podem ser transferidos com maior ou menor intensidade a partir da qualidade do solado (entre outras diversas variáveis).

Aqui na Columbia, nós garantimos sua segurança com as mais variadas tecnologias que desenvolvemos, como a Techlite, que garante amortecimento apropriado para vários tipos de esportes e terrenos.

A tecnologia Omni-Tech é mais uma alternativa imbatível para quem busca um calçado impermeável e respirável. Essas funcionalidades podem ser encontradas em modelos mais robustos, com proteção para situações e climas mais extremos. Falaremos mais sobre outras particularidades dos nossos modelos mais à frente.

3. Avalie o tipo de amortecimento do calçado e sua construção

Outra característica que você deve considerar no momento da escolha do seu tênis para trilha é o tipo de amortecimento. Normalmente, os calçados que apresentam maior aderência têm borracha mais densa e, por isso, o amortecimento tende a ser um pouco menor.

Para contornar o problema, nós nos empenhamos na entressola, a região do calçado que separa a sola e a palmilha. Também fazemos a utilização de materiais de alta qualidade, com borracha sintética apropriada e destinada para corrida em terrenos irregulares.

Essas particularidades variam de modelo para modelo. Aqui na Columbia, nós desenvolvemos a tecnologia Fluidfoam, que garante amortecimento avançado mesmo em situações mais adversas.

As diferenças nas construções do tênis

Além das demais funcionalidades, não se esqueça de observar a construção dos modelos. Procure por cabedais — parte superior do calçado que protege o pé — reforçados e com tecnologia respirável e/ou impermeável para um maior conforto.

Todas essas informações fazem com que sua corrida ou caminhada em uma trilha se torne mais confortável e incrivelmente mais segura. Uma dica extra é procurar por calçados que garantem estabilidade, mesmo em situações adversas.

4. Considere o nível de dificuldade da trilha

A escolha do tênis também deve considerar se você vai fazer trilha para iniciantes, intermediários ou avançados. Entenda as principais particularidades.

Nível baixo

As trilhas com nível baixo de dificuldade são aquelas que normalmente ficam próximas, apresentam solo firme, terrenos assentados e estradas mais planas, o que não exige tanto preparo físico do praticante.

Uma boa opção de tênis é o que tem solado com garras aderentes e entressola leve para oferecer melhor retorno de energia a cada pisada, bem como maior proteção e conforto para passos mais ágeis.

Nível moderado

Trilhas moderadas se caracterizam por ter percursos mais desafiadores e com instabilidades. É o caso de condições climáticas adversas, superfícies irregulares e obstáculos a serem superados, como riachos e rochas.

O tênis mais indicado é o que oferece tecnologia impermeável e respirável, sistema de amarração com ajuste perfeito, amortecimento, entressola com multidensidade para maior conforto, proteção e estabilidade.

Nível alto

O nível hard já exige mais resistência e condicionamento da pessoa para enfrentar condições extremas de temperaturas e de terrenos, com superfícies bastante irregulares e algumas surpresas da natureza durante o percurso.

Para esse tipo de aventura, busque um modelo que garanta proteção impermeável para neve e chuva. Também é importante que seja respirável, com tecnologia de tração e bom sistema de estabilização do calcanhar.

Os tênis da Columbia destinados para trilhas são projetados com tecnologia Fluidguide, que garantem pisadas firmes e com menor chance de torção, até em ambientes irregulares. Tenha em mente que, em terreno acidentado, calçados de baixa qualidade podem provocar lesões sérias. Portanto, evite produtos desconhecidos ou com construção duvidosa.

Gostou deste nosso post? Visite agora mesmo o nosso site para conhecer nossos modelos de tênis para trilha e outros itens específicos para a prática de atividades ao ar livre.

Columbia Sportswear

Conheça nossa Loja Virtual »

POSTS RECENTES

FIQUE POR DENTRO!
Receba dicas de destinos, produtos e muito mais para aproveitar melhor suas aventuras!
Captcha obrigatório
Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!